Iniciativas CDU

 

No Seguimento das propostas anteriores, a CDU propõe a criação de uma via pedonal e ciclável municipal, dado o crescente interesse na prática de atividades de ar livre e desportivas por parte dos munícipes. A via procederá à interligação das áreas de lazer que existem praticamente em todas as freguesias do município. 

Esse corredor desportivo, que será devidamente sinalizado e identificado, permitirá aos cidadãos praticarem em segurança a prática de atividades de ar livre.

Nesta infraestrutura dever-se-á colocar diversos mobiliarios urbanos, nomeadamente os que respeitam à recolha de lixos e iluminação dos locais mais problemáticos para a segurança.

 

4 de agosto de 2017

Comissão Coordenadora da CDU

Ricardo Silva é o Cabeça de Lista da CDU para a União de Freguesias de Santa Maria da Feira, Travanca, Sanfins e Espargo

Ricardo António Santos Silva, 37 anos, natural de Feira – Santa Maria da Feira.
Técnico de Sistemas na Brisa Auto Estradas, Membro da Direção Nacional do Cesp - Sindicato do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal, Membro do Grupo Coordenador da Acção Reinvidicativa e Luta do Cesp, Membro do Grupo de Trabalho da Informação e Propaganda do Cesp, Licenciatura em Engenharia da proteção Civil, Membro do Conselho Municipal de Segurança de Santa Maria da Feira desde 2010.

Currículo Politico:

1.º Candidato Eleitoral à União de Freguesias de Santa Maria da Feira, Travanca, Sanfins e Espargo 2013

1º Candidato Eleitoral à Assembleia de Freguesia Sanfins em 2009
Candidato Eleitoral Assembleia Municipal Santa Maria Feira em 2005 e 2009
Membro da Comissão Concelhia do PCP de Stª Mª da Feira
Foi membro da Comissão de Trabalhadores da Brisa entre 2010/2013
Militante do PCP

 


Currículo Associativo

2006/2009 - Cargo de Presidente de Direcção do Grupo Desportivo e Cultural dos Trabalhadores da Brisa
Director de Prova da Taça de Portugal de Corridas de Aventura
Praticante de Orientação Pedestre, BTT e Canoagem
Corpo Nacional Escutas (CNE) agrupamento 640 (Feira) de 1993 a 1997
Bombeiro Voluntário Santa Maria da Feira desde 1993 até 2002

Está a circular um abaixo-assinado que visa solicitar à Câmara Municipal de Santa Maria que avance com uma providência cautelar que salvaguarde o bem público, até que seja reposto o valor em falta com ressarcimento por perdas e danos em virtude do incumprimento do contrato ou se obtenha a sentença do processo que se encontra em tribunal.

Este abaixo-assinado conta já com mais de duas centenas de assinaturas, encontrando-se as mesmas a ser recolhidas online (http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT86180) e em papel.

A CDU decidiu avançar com esta forma de luta porque considera que: 
• a dívida ronda os 600 mil euros; 
• os referidos 600 mil euros são 40% da receita (que ronda 1,5 milhões de euros); 
• a empresa fatura cerca de 18 mil euros por mês, cerca de 590 euros por dia; 
• a empresa não paga desde julho de 2010; 
• a empresa continua com os parquímetros em funcionamento e a cobrar aos condutores; 
• a Câmara Municipal pode pedir o resgate da concessão desde que esteja em causa a defesa do interesse público, conforme estipulado no contrato.

As assinaturas serão entregues em setembro próximo ao Sr. Presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira. Caso a Câmara Municipal não tome uma atitude verdadeiramente defensora dos interesses do município e dos principalmente dos munícipes, a CDU pondera avançar com uma ação popular em Tribunal que vise a salvaguarda dos referidos interesses.

 

4 de agosto de 2017

Comissão Coordenadora da CDU de Stª Mª da Feira

No passado dia 22 de julho, uma delegação da CDU integrada por Antero Resende (Candidato à Câmara Municipal) e Filipe Moreira(Candidato à Assembleia Municipal) visitou a ANIFEIRA.

Com esta visita foi possível apurar as reais necessidades da instituição e até do edifício que apesar de esta cedido a esta é propriedade da Câmara Municipal de Stª Mª da Feira. 

No respeitante ao edifício registou-se a existência de telhas de fibrocimento com amianto, assim como a necessidade de intervenções que facilitem a atividade da AANIFEIRA e o conforto e bem estar dos animais. Sendo intenção da CDU propor à Câmara Municipal que intervenha no sentido de realizar as intervenções necessárias.

Ainda no respeitante a infraestruturas, registou-se a ausência de cobertura de saneamento básico do lugar, o que contraria as teorias do Executivo Camarário relativamente à cobertura do município.

É claro, para a CDU, a necessidade de uma política ambiental diferente para o município e para o país que passará para uma maior sensibilização dos cidadãos para estas questões. Assim, para além de uma melhor perceção da realidade do município, pretendeu-se com esta visita gerar discussão em torno das questões ambientais, direitos dos animais e comportamentos tidos como desviantes para a sustentabilidade.


4 de agosto de 2017
Comissão Coordenadora da CDU de Stª Mª da Feira